Borussia Dortmund dá vexame, só empata com o Apoel e classificação fica por conta de um milagre

bvb na championsO Borussia Dortmund segue sem vencer na Uefa Champions League. Após ter perdido para Tottenham e Real Madrid, o time alemão tinha a grande chance de somar seus três primeiros pontos na competição ao visitar o Apoel Nicósia no estádio Neo GSP, mas ficou no empate por 1 a 1, pela terceira rodada do grupo H. E olha que poderia ter sido pior, já que o time treinado por Peter Bosz teve atuação sofrível, ainda saiu atrás no marcador e viu o adversário ser mais perigoso nos minutos derradeiros.

Depois de ter falhado na derrota para o RB Leipzig no último final de semana e de ter ido mal na estreia do Dortmund na Champions contra o Tottenham, o goleiro Roman Bürki voltou a vacilar nesta terça-feira. Ele errou um passe e bateu roupa no lance do gol marcado por Mickael Poté já no segundo tempo. Sokratis Papastathopoulos empataria pouco depois, mas os germânicos não evitaram novo tropeço.

Apesar de ter dominando territorialmente o primeiro tempo, com 8 a 1 nas finalizações e 65% de posse de bola, o time alemão só conseguiu concluir no alvo uma vez. Assim, não conseguiu tirar o zero do placar até o intervalo.

Com o resultado, Dortmund e Apoel somam o primeiro ponto e estão em situação delicadíssima, já que Real Madrid e Tottenham, que também empataram nesta terça, têm sete pontos cada. Os cipriotas estão na lanterna por conta do saldo de gols (-4 a -6).

Pela próxima rodada do grupo H da Champions, os dois times voltarão a se enfrentar, só que no Signal Iduna Park, em Dortmund, em 1º de novembro, às 17h45 (de Brasília). Agora, ambos irão voltar suas atenções para seus respectivos campeonatos nacionais, pelo qual jogarão fora de casa no sábado. O Borussia enfrentará o Eintracht Frankfurt, às 11h30, enquanto que o Apoel duelará com AEK Larnaca, às 15h.

  • Dois gols, três lesões e um vexame

Ao longo dos 45 minutos iniciais, os cipriotas perderam dois jogadores por lesão. O atacante brasileiro naturalizado belga Igor de Camargo e o goleiro Boy Waterman foram substituídos por Mickael Poté e Raúl Gudiño aos 30 e 45min, respectivamente.

Na volta para a etapa final, os visitantes também perderiam um jogador contundido, quando Toprak foi substituído por Toljan aos 15min. A situação dos alemães ficou ainda mais delicada dois minutos mais tarde. Bürki errou passe na saída e ainda bateu roupa em chute de Ebecilio. No rebote, foi driblado por Poté, que estufou a rede.

A festa cipriota, no entanto, durou apenas cinco minutos. Götze levantou da esquerda, e Sokratis ganhou no alto para cabecear para o fundo do alvo, deixando tudo igual. O Dortmund ainda se mandou ao ataque em busca da virada, mas pouco criou e ainda viu o adversário quase sair com a vitória no contra-ataque.

por espn.com.br

Compartilhe

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *