Dortmund quebra ‘maldição’ do vice e conquista a Copa da Alemanha pela 4ª vez

dembele feiertApós três vices consecutivos, o Borussia Dortmund enfim quebrou a maldição e voltou a conquistar a Copa da Alemanha. O time derrotou o Frankfurt por 2 a 1, no Estádio Olímpico de Berlim, na tarde deste sábado, e foi campeão.

Foi a quarta taça da equipe auri-negra, que também venceu em 1964/65, 1988/89 e 2011/12. Agora está empatada em títulos com o próprio Frankfurt, o Colônia e Nüremberg.

Nas últimas três temporadas, o Dortmund perdeu duas finais para o Bayern Munique (o maior campeão, com 18 taças) e para o Wolfsburg.

Os gols da equipe campeã foram marcados por Dembélé, aos 8 minutos do primeiro tempo, e Aubameyang, de pênalti, aos 21 minutos da etapa final. Rebic descontou.

  • Hertha e Freiburg vibram

Com o título nas mãos do Dortmund, quem também pôde comemorar foram as torcidas de Hertha Berlim e Freiburg, sexto e sétimo colocados da Bundesliga.

A explicação é simples. A Copa da Alemanha dá vaga na próxima Liga Europa ao campeão, mas, como o Dortmund assegurou presença na Uefa Champions League via Bundesliga, a classificação ao torneio continental foi dada ao sétimo do Alemão: o Freiburg.

Por sua vez, o Hertha acabou beneficiado com a vaga direta na fase de grupos da Liga Europa, o que representou até um ganho financeiro: 1,5 milhão de euros.

  • Rolo compressor

Marcado pelos últimos três vice-campeonatos no torneio, o Borussia Dortmund entrou em campo disposto a entrar negativamente para a história. Nunca uma equipe foi vice da Copa da Alemanha por quatro temporadas consecutivas.

Assim, o que se viu nos primeiros 25 minutos de jogo foi um Dortmund amassando o Frankfurt. A equipe chegou perigosamente ao ataque, sem sofrer contra-ataques.

GETTYIMAGES

Fumaça amarela cobriu as arquibancadas do estádio Olímpico de Berlim
Fumaça amarela cobriu as arquibancadas do estádio Olímpico de Berlim

Aos 8 minutos, o Dortmund abriu o placar. A jogada começou em um lançamento do campo de defesa para o ataque, na ponta-direita. Na sequência, Dembélé recebeu próximo da área, pelo lado direito, entortou o marcador e chutou no canto do goleiro. Um golaço!

  • Frankfurt cresce

Após o gol, o time do Frankfurt começou a se ajeitar em campo. Foi melhorando e passou a ameaçar a defesa do Dortmund. Mas sem finalizar com tanta qualidade.

Mas o gol de empate saiu e foi aos 28 minutos do primeiro tempo.

A jogada foi bonita. Uma triangulação na intermediária, que terminou com um belo passe para Rebic. Ele ficou cara a cara com o goleiro, bateu colocado e marcou.

GETTYIMAGES

Rebic empatou para o Frankfurt contra o Dortmund, em Berlim
Rebic empatou para o Frankfurt contra o Dortmund, em Berlim
  • Dortmund retoma o controle

A equipe de Dortmund não sentiu o empate. Conseguiu retomar o controle do jogo, voltou a criar perigo à defesa do adversário. Mas terminou o primeiro tempo sem desempatar.

No início da etapa final, o ritmo foi o mesmo.

Aos 17, Dembélé fez salseiro na linha de fundo, cruzou a bola na medida para Aubameyang, que quase marcou de voleio. Ele acertou o travessão. Foi uma bela ação ofensiva.

Aos 21, Pulisic foi derrubado pelo goleiro Hradecky. Pênalti para o Dortmund. Aubameyang cobrou e fez o segundo da equipe do Dortmund. Merecido.

por espn.com.br / revisão de Gerd Wenzel

Compartilhe

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *