Hoffenheim vence Hertha Berlin com golaço de zagueiro – 3 a 1

süleEm um confronto direto por uma vaga na Uefa Champions League, o Hoffenheim deu um grande passo para alcançar a competição pela primeira vez. A equipe foi a Berlim e venceu o Hertha por 3 a 1, de virada, em duelo que abriu a 26ª rodada do Campeonato Alemão.

O lateral-direito Peter Pekarik abriu o placar no Olympiastadion para os donos da casa. Ainda antes do intervalo, o jovem lateral esquerdo Maximilian Mittelstädt, de 20 anos, fez um pênalti infantil, com o qual Andrej Kramaric deixou tudo igual.

No segundo tempo, Mittelstädt, em um lance discutível, tornou-se vilão de vez ao receber o segundo cartão amarelo e ser expulso de campo. A vantagem numérica ajudou os visitantes a chegarem à vitada com um golaço de Niklas Süle.

O zagueiro de 21 anos, que foi vice-campeão olímpico com a Alemanha em 2016 e já está acertado com o Bayern Munique, conseguiu o lance importante em meio a uma noite especial. Isso porque chegou à marca de 100 jogos na Bundesliga. Ainda antes do apito final, Kramaric foi à rede de novo e fechou a conta.

Com o resultado, o Hoffenheim chegou a seis jogos sem perder no Alemão (quatro vitórias e dois empates) e foi a 48 pontos, abrindo oito de vantagem na zona de classificação à Uefa Champions League. De quebra, passou o Borussia Dortmund (que tem 46 e pega o Schalke 04 no sábado), dormindo na terceira posição. Já o Hertha, estacionado nos 40 pontos, aparece no quinto lugar.

Pela próxima rodada, o Hertha Berlin visitará o Borussia Mönchengladbach na quarta-feira, às 15h (de Brasília). Um dia antes, o Hoffenheim receberá o Bayern de Munique, também às 15h.

GETTY

Mittelstädt cometeu um pênalti e foi expulso de campo
Mittelstädt cometeu um pênalti e foi expulso de campo
Hoffenheim vence de virada

Os mandantes abriram o placar aos 32min, quando Esswein recebeu na entrada da área e furou feio. Para a sorte dele, a sobre ficou na direita com Pekarik, que bateu bem e viu a bola resvalar na trave antes de entrar.

A festa da torcida berlinense, porém, durou apenas sete minutos. Mittlestädt colocou a mão na bola de forma infantil, e o árbitro Benjamin Brand assinalou a penalidade, que foi convertida por Kramaric.

Na volta do intervalo, a vida do Hertha ficaria mais complicada aos 13min. Mittlestädt até foi limpo no lance, mas seu pé escorregou pela bola e atingiu Amiri. O juiz interpretou como falta e mostrou o segundo cartão amarelo ao lateral.

Com um a mais, o Hoffenheim foi para cima. Aos 21min, Kramaric acertou a trave duas vezes em sequência no mesmo lance, com duas conclusões de fora da área. Pouco depois, foi a vez de Demirbay parar no poste.

Aos 31min, não teria jeito. Süle avançou pela intermediária, soltou a pancada de longe e acertou perto do ângulo. Um golaço. Dez minutos mais tarde, Kramaric fechou a conta, após receber passe de Wagner na área. De frente para o alvo, ele só teve o trabalho de completar para a rede.

Compartilhe

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *