Joachim Löw anuncia convocados para amistosos contra Espanha e Brasil

Os atuais campeões mundiais foram convocados nesta sexta-feira para os últimos compromissos antes do anúncio da lista final para a Copa do Mundo da Rússia. Sem grandes novidades, Joachim Löw chamou 26 jogadores para os amistosos contra Espanha e Brasil, programados para os dias 23 e 27, ambos na Alemanha.

Como se tornou costume nas convocações da seleção alemã, o Bayern Munique é o clube mais representado, com sete atletas. A lista ainda conta com 17 jogadores com participação na campanha vitoriosa da Copa das Confederações e oito campeões mundiais (Ginter, Hummels, Boateng, Khedira, Draxler, Kroos, Özil e Müller).

Mesmo esperadas, as ausências de Manuel Neuer e Marco Reus foram confirmadas na lista anunciada nesta sexta. O goleiro sequer voltou aos trabalhos e segue se recuperando de uma fratura no metatarso, enquanto o atacante do Borussia Dortmund retornou de lesão fazem poucas semanas. A maior surpresa ficou por conta de Götze, autor do gol na final da Copa do Mundo de 2014 e fora da convocação.

Os amistosos contra Brasil e Espanha também foram comentados pelo treinador, que avaliou os dois adversários como candidatos diretos a conquista do Mundial na Rússia. “Espanha e Brasil são testes de resistência, mas nesses jogos não me interessam os resultados, que não valem nada além de prestígio. Eu certamente vou testar um ou outro jogador e tenho muito respeito pelas duas equipes, que eu acho que estão muito melhores em relação a 2014. Tanto Espanha quanto Brasil podem disputar o título na Rússia”, completou.

Confira a lista de convocados da Alemanha para enfrentar Espanha e Brasil:

Goleiros: Bernd Leno (Bayer Leverkusen), Kevin Trapp (Paris Saint-Germain) e Marc-André ter Stegen (Barcelona).

Defensores: Marvin Plattenhardt (Hertha Berlim), Jonas Hector (Colônia), Matthias Ginter (Borussia Mönchengladbach), Mats Hummels (Bayern), Antonio Rüdiger (Chelsea), Jerome Boateng (Bayern), Joshua Kimmich (Bayern) e Niklas Süle (Bayern).

Meio-campistas: Sami Khedira (Juventus), Julian Draxler (Paris Saint-Germain), Toni Kroos (Real Madrid), Mesut Özil (Arsenal), Thomas Müller (Bayern), Emre Can (Liverpool), Sebastian Rudy (Bayern), Leroy Sané (Manchester City), Leon Goretzka (Schalke), Ilkay Gündogan (Manchester City) e Julian Brandt (Bayer Leverkusen).

Atacantes: Mario Gomez (Stuttgart), Sandro Wagner (Bayern), Lars Stindl (Borussia Mönchengladbach) e Timo Werner (RB Leipzig).

por espn.com.br / gazeta press / revisão de Gerd Wenzel

Compartilhe

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *