Julian Brandt: “Ficar batendo somente em Özil é completamente errado”

Julian Brandt Deutschland Germany 25 06 2017 Deutschland vs Kamerun Fisht Stadium Sotschi CoEm relação à aposentadoria de Mesut Özil da seleção alemã, não só o técnico Joachim Löw e o diretor esportivo Oliver Bierhoff se mantiveram discretos em suas declarações como também os ex-companheiros de equipe do jogador. Agora Julian Brandt se manifestou no centro de treinamento do Bayer Leverkusen e apoiou Özil.

A discussão sobre as polêmicas fotos com Erdogan, publicadas pouco antes da convocação do elenco para a Copa do Mundo, não teriam impactado sobre o desempenho da seleção durante a competição. “Que este tema foi levantado e continua sendo discutido é uma coisa, mas tudo isto não nos desfocou do objetivo principal”, afirmou Brandt. “Não era objeto de conversas dentro da equipe e, portanto, não não poderia ter sido usado como causa para o fracasso prematuro da Alemanha na Copa.”

Em relação ao debate sociopolítico que foi desencadeado com a aposentadoria de Özil, Brandt não quis se manifestar durante uma mesa redonda no centro de treinamento do Leverkusen na cidade de Zell am See, localizada na Áustria, ao se limitar a dizer que “a maioria das pessoas, que gostaria de dizer alguma coisa, já o fez nas últimas semanas”.

Brandt tem 22 anos e atuou em todos os três jogos do Mundial, vindo do banco nos instantes finais da partida. Contra México e Suécia, o jogador mandou uma bola na trave. Brandt se limitou a ver o “caso Özil” pelo lado esportivo. Para ele, está claro que não é certo fazer de Özil o bode expiatório da histórica eliminação precoce da Alemanha: “Özil não é a causa da nossa eliminação. Ele possivelmente cometeu alguns erros, do ponto de vista esportivo, e não mostrou seu melhor futebol. Mas isso aconteceu com todos nós. Bater somente nele é completamente equivocado.”

Fonte: www.kicker.de

Tradução: Rodrigo Wenzel

RW_ass_email (1)

 

 

 

 

Compartilhe

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *