Na estreia de técnico, brasileiro é expulso, Leverkusen perde pênalti no último lance e empata com Werder

pizarro gegen leverNo primeiro jogo do técnico Tayfun Korkut, que substituiu o demitido Roger Schmidt, o Bayer Leverkusen decepcionou seu torcedor. Atuando na BayArena, a equipe não passou de um empate contra o ameaçado Werder Bremen por 1 a 1, nesta sexta-feira, em partida válida pela 24ª rodada do Campeonato Alemão.

Com o resultado, os donos da casa estão na décima posição com 31 pontos. São quatro jogos sem vitória, incluindo uma eliminação nas oitavas da Uefa Champions para o Atlético de Madri.

Já os visitantes, que quebraram uma sequência de três vitórias consecutivas, estão na 14ª colocação com 26, apenas três acima do Hamburgo (18º) – primeiro clube na zona de rebaixamento.

O Leverkusen abriu o placar aos sete minutos de partida com o atacante alemão Kevin Volland.

O empate do Werder aconteceu aos 34 minutos do segundo com o veterano Claudio Pizarro de forma estranha. Bauer chutou em direção ao gol, mas o centroavante peruano acertou a bola com a coxa e enganou o goleiro Leno.

O lateral brasileiro Wendell foi expulso aos 45 minutos após receber o segundo cartão amarelo.

No último lance do jogo, os anfitriões desperdiçaram uma grande chance de saírem com a vitória. Aos 50 minutos, Toprak bateu um pênalti fraco no canto direito do goleiro Wiedwald, que encaixou a bola.

por espn.com.br

 

Compartilhe

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *